Ligados na Evangélica 10 de janeiro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on email
Share on print

Vamos viver a ressurreição

Há uma alternativa para vida de pecado a qual nos habituamos. Há uma vida melhor para vivermos do que essa que imaginamos ser possível.

A graça de Deus nos abre os olhos para enxergar todo um novo universo de possibilidades diferentes para a nossa forma de pensar, de falar, de agir, de se relacionar com os outros. E é em direção essa nova vida que quero convidar você.

Jesus morreu e com Ele morremos também, dessa forma a vida sob o domínio do pecado acabou para nós. Pois Jesus ressuscitou e com Ele ressuscitamos também, e a vida que vivemos pode ser conduzida longe da prisão do pecado.

Vamos viver a ressurreição da mesma forma que vivíamos no pecado. Colocando o nosso corpo a serviço da justiça. Essa era a vida que tanto queríamos viver, e que hoje podemos desfrutar sob o senhorio de Jesus Cristo.

Avisos

2ª Semana da Campanha de Jejum e Oração

11-16, 19h30

Culto Presencial

Verão da Juventude

16, sábado, 15h

Levante de Jejum e Oração

17, 6h

Culto Presencial

Celebração de Domingo

17, 18h

Culto Presencial

Transmitido ao vivo

@iebsr

Contribua com a Ação Social IEBSR

Traga a sua doação de alimentos aos Cultos

Conta Bancária para Contribuição

Banco: Caixa Econômica Federal
Agência: 1010
Operação: 013
Conta: 1082-0
Titular: Igreja Evangélica Batista de João Pessoa

Próximos Aniversariantes

Devocional Encontros com Deus

11/1, segunda-feira

Morremos para o pecado
Rm 6.1-3

1 Que diremos então? Continuaremos pecando para que a graça aumente? 2 De maneira nenhuma! Nós, os que morremos para o pecado, como podemos continuar vivendo nele? 3 Ou vocês não sabem que todos nós, que fomos batizados em Cristo Jesus, fomos batizados em sua morte?

Não continuaremos pecando pois morremos para o pecado. Fomos batizados em Cristo Jesus e com Ele morremos. Desse jeito, o pecado não pode mais governar a nossa vida.

ORE POR:

  • Pr. Júnior e Kamila;
  • Pr. Tomaz e Sônia;
  • Miss. Misael Ferreira dos Santos – Radical Sertanejo;
  • Miss. Peteris Elisan – Letônia;
  • Igreja Evangélica Batista em Funcionários II – João Pessoa;
  • Policiais Militares;
  • Hosp. Reg. Dr. José G. Silva (Itaporanga)

LEIA MAIS A BÍBLIA:

12/1, terça-feira

Vivamos uma nova vida
Rm 6.4-7

4 Portanto, fomos sepultados com ele na morte por meio do batismo, a fim de que, assim como Cristo foi ressuscitado dos mortos mediante a glória do Pai, também nós vivamos uma vida nova. 5 Se dessa forma fomos unidos a ele na semelhança da sua morte, certamente o seremos também na semelhança da sua ressurreição. 6 Pois sabemos que o nosso velho homem foi crucificado com ele, para que o corpo do pecado seja destruído, e não mais sejamos escravos do pecado; 7 pois quem morreu, foi justificado do pecado.

Estamos unidos com Cristo na sua morte e ressurreição. Essa é a base para vivermos uma nova vida, a vida da ressurreição. O nosso velho homem foi crucificado e não somos mais escravos do pecado.

ORE POR:

  • Dany e Família;
  • Mis Abraão e Rayane (Santana de Mangueira/PB);
  • Miss. Adriano Soares Oliveira – Radical Cristolândia;
  • Miss. Pierre Celestin Mbongo Ntoko Tongo – Togo;
  • Primeira Igreja Batista no Funcionários IV – João Pessoa;
  • Policiais Civis;
  • Hosp. Infantil Arlinda Marques

LEIA MAIS A BÍBLIA:

13/1, quarta-feira

Mortos para o pecado, vivos para Deus
Rm 6.8-11

8 Ora, se morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos. 9 Pois sabemos que, tendo sido ressuscitado dos mortos, Cristo não pode morrer outra vez: a morte não tem mais domínio sobre ele. 10 Porque morrendo, ele morreu para o pecado uma vez por todas; mas vivendo, vive para Deus. 11 Da mesma forma, considerem-se mortos para o pecado, mas vivos para Deus em Cristo Jesus.

Com Cristo morremos, com Cristo viveremos. Assim como a morte não tem mais domínio sobre Cristo não tem mais domínio sobre nós. Assim como Cristo morreu para o pecado nós também morremos para o pecado. Assim como Cristo vive para Deus da mesma forma vivemos para Deus. Em Cristo estamos mortos para pecado e vivos para Deus.

ORE POR:

  • Denilson e Família;
  • Agnise;
  • Miss. Barbara Dandara Santos Brito – Radical Cristolândia;
  • Miss. Pierre Souza – América;
  • Primeira Igreja Batista no Geisel – João Pessoa;
  • Policiais Federais;
  • Hosp. e Mat. Sinhá Carneiro (Santa Luzia)

LEIA MAIS A BÍBLIA:

14/1, quinta-feira

O pecado não os dominará
Rm 6.12-14

12 Portanto, não permitam que o pecado continue dominando os seus corpos mortais, fazendo que vocês obedeçam aos seus desejos. 13 Não ofereçam os membros dos seus corpos ao pecado, como instrumentos de injustiça; antes ofereçam-se a Deus como quem voltou da morte para a vida; e ofereçam os membros dos seus corpos a ele, como instrumentos de justiça. 14 Pois o pecado não os dominará, porque vocês não estão debaixo da lei, mas debaixo da graça.

Não permita o pecado dominar o seu corpo, fazendo vocês obedecerem os desejos dele. Ofereça o seu corpo a Deus para fazer a vontade dEle. Porque você está debaixo da graça o pecado não o dominará.

ORE POR:

  • Neuza e Família;
  • Alcydes e Dorinha;
  • Miss. Bruna Silva de Assis – Radical Cristolândia;
  • Miss. Qasim Usamah – Ásia;
  • Igreja Batista Jardim 13 de Maio – João Pessoa;
  • Policiais Rodoviários;
  • Hosp. Dr. Ouvidio Duarte (Serraria)

LEIA MAIS A BÍBLIA:

15/1, sexta-feira

Libertados do pecado
Rm 6.15-18

15 E então? Vamos pecar porque não estamos debaixo da lei, mas debaixo da graça? De maneira nenhuma! 16 Não sabem que, quando vocês se oferecem a alguém para lhe obedecer como escravos, tornam-se escravos daquele a quem obedecem: escravos do pecado que leva à morte, ou da obediência que leva à justiça? 17 Mas, graças a Deus, porque, embora vocês tenham sido escravos do pecado, passaram a obedecer de coração à forma de ensino que lhes foi transmitida. 18 Vocês foram libertados do pecado e tornaram-se escravos da justiça.

Estando debaixo da graça, devemos parar de pecar, pois, mesmo tendo sido escravos do pecado antes, fomos libertados da escravidão do pecado pela verdade do evangelho e nos oferecemos para obedecer à justiça.

ORE POR:

  • Elizonete e Família;
  • Pr Alexsandro e Adriana (IEB Pombal);
  • Miss. Celio Antonio Alves Barbosa – Radical Cristolândia;
  • Miss. Quézia Carvalho – Ásia;
  • Igreja Evangélica Batista no Jardim Veneza – João Pessoa;
  • Exército;
  • Hosp. Francisco Assis Freitas (Solânea)

LEIA MAIS A BÍBLIA:

16/1, sábado

Escravos de Deus
Rm 6.19-23

19 Falo isso em termos humanos por causa das suas limitações humanas. Assim como vocês ofereceram os membros dos seus corpos em escravidão à impureza e à maldade que leva à maldade, ofereçam-nos agora em escravidão à justiça que leva à santidade. 20 Quando vocês eram escravos do pecado, estavam livres da justiça. 21 Que fruto colheram então das coisas das quais agora vocês se envergonham? O fim delas é a morte! 22 Mas agora que vocês foram libertados do pecado e se tornaram escravos de Deus, o fruto que colhem leva à santidade, e o seu fim é a vida eterna. 23 Pois o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor.

Assim como você se ofereceu em escravidão à impureza e à maldade, agora ofereça-se em escravidão à justiça e à santidade. Antes, no pecado, você estava na morte. Agora, você foi libertado do pecado e se tornou escravo de Deus, e está na santidade e na vida eterna.

ORE POR:

  • Ellvys e Família;
  • Antonio Case e Goreth;
  • Miss. Cleiton Roberto Quirino dos Santos – Radical Cristolândia;
  • Miss. Raimundo Mendes – África;
  • Primeira Igreja Batista do João Agripino – João Pessoa;
  • Marinha;
  • Hosp. Reg. Manoel Gonçalves de Abrantes (Sousa)

LEIA MAIS A BÍBLIA: